Mês: abril 2010

Sentimentos Podres

Tava pensando hoje…  Sou uma pessoa extremamente diferente das outras.

Quem convive comigo sabe disso e tolera porque realmente gosta de mim. Sou rebelde, chata, tresloucada, irritante e irritada, convicta, escandalosa, compulsiva, ciumenta e um tanto mais de características negativas.
Mas uma mais marcante que eu considero sem duvida nenhuma e falsa modéstia é que eu assumo meus momentos podres.
Eu fico horrorizada e às vezes fico em crise quando me pego desejando que alguém dê uma topada numa pedra bem doída ou quando fico contente quando fico sabendo que alguém que me fez de otária, me humilhou ou desprezou, tá na merda. Eu aceito e assumo!
Isso é muito doido porque sei que não se deve se apegar em sentimentos negativos, mesmo porque, sei que tudo volta.
Mas o interessante é que minha falta de hipocrisia me fortalece. Não sou um anjinho delicado e bondoso. Sou humana!
Conheço meus momentos e sentimentos podres e sabendo onde eles estão, posso enfrentá-los e me livrar deles.
Eu prefiro encarar o meu lado negro da força, e vc?
Prefere jogar tudo embaixo do tapete fingir que é "bonzinho"e no fim da sua jornada perceber que você não passa de um monte de lixo? E mais! Perceber que esse lixo todo te impediu de viver?

Eu tô fora!!
Anúncios

Morno

Ultimamente as coisas andam mornas… Gosto às vezes… às vezes não gosto.

Ando percebendo as coisas e as pessoas, tenho aprendido muito sobre paciência, resignação, indignação e desprezo.
Estou trabalhando neste exato momento o desapego, o fato de desapegar das situações, das pessoas, de coisas e sentimentos.
Penso que algumas coisas não valem a pena, sentimentos não valem a pena e pessoas não valem a pena…. 
Desses o mais difícil de se livrar é do sentimento, seja ele raiva, dor, amor, tristeza etc…
Porque se  você não consegue se livrar de um sentimento, fica muito mais difícil se livrar de coisas e pessoas…e dos sentimentos o mais difícil é o amor… ô coisinha chata e idiota que impregna na nossa alma! E mesmo que você saiba que ele não faz bem, é muito difícil de tirar de nosso ser.
Aprendi nesses dias umas das coisas mais difíceis da minha vida! Que é deixar de amar.  Muito idiota isso!